programas

Inscrições Mais Médicos – Entenda!

O Programa Mais Médicos, foi criado no dia 8 de julho de 2013, pelo Governo Federal, no mandato da ex-presidenta Dilma Rousseff.

A iniciativa já levou 15 mil médicos estrangeiros, para as áreas carentes do país, em contrapartida, o programa recebeu duras críticas das entidades representantes da categoria, sociedade civil, estudantes da medicina e o Ministério Público do Trabalho.

Funcionalidades do programa – Inscrições abertas

O objetivo do projeto, é preencher as vagas de médicos em periferias e municípios no interior do Brasil, com profissionais dos países vizinhos. As inscrições começaram nesta quarta-feira (21) e terminam neste domingo (25).

O ministro da saúde, Gilberto Ochi, comunicou que deverá ser publicado um novo edital do Programa, para o preenchimento das vagas dos médicos cubanos, que foram embora, em um evento da Confederação Nacional de Municípios – CNM em Brasília.

Ochi afirmou que serão mais de 8.500 vagas no país todo, para médicos que possuem CRM, e para os brasileiros que se formaram no exterior, e tiveram o diploma revalidado no Brasil.

Após essa etapa, serão abertas novas vagas para os médicos brasileiros formados no exterior, e que não revalidaram o diploma no Brasil, e os profissionais estrangeiros (incluindo os cubanos).

Como serão distribuídas as vagas

Das 8.517 vagas, 2.824 serão para municípios, e 34 para Distritos Sanitários Especiais Indígenas. O início das atividades dos novos médicos contratados, será dia 3 de dezembro próximo, divulgado pelo Ministério da Saúde.

O ministro Ochi, disse ainda que a sua participação no evento do CNM, foi um pedido do Presidente em exercício Michel Temer, para tranquilizar os prefeitos e ao povo brasileiro, sobre a saída dos médicos cubanos do país.

Ele disse ainda que, as vagas serão preenchidas conforme a demanda nos municípios e cidades, e não somente por estrangeiros ou brasileiros. Todos os profissionais da saúde que tiverem o CRM ativo, poderão se candidatar às vagas disponíveis.

No dia 27 de novembro próximo, os brasileiros formados no exterior, sem o diploma revalidado no país, serão chamados para novas vagas, inclusive para estrangeiros também.

Segundo o ministro Ochi, cerca de 17 mil médicos brasileiros, estão aguardando com expectativa a chamada para essas oportunidades. O Programa Mais Médicos, fornece uma bolsa-formação no valor de 11,8 mil reais, além de uma ajuda de custo, de 10 a 30 mil reais.

Motivo da saída de Cuba do Programa Mais Médicos

O Governo de Cuba anunciou a saída do país, do Programa Mais Médicos, devido ao questionamento feito pelo presidente eleito Jair Messias Bolsonaro (PSL), sobre a real qualificação dos médicos cubanos, e a forma de contratação desses profissionais.

A maior parte dos salários pagos aos médicos cubanos, eram destinados à ditadura de Cuba, e ainda os familiares dos profissionais eram escravos da corrupção.

Ao tentar negociar a regularização do Programa, entre Brasil e Cuba, o país não aceitou, sendo lamentado pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro. O acordo era feito entre Brasil e a Organização Panamericana de Saúde (Opas), e não com os profissionais cubanos diretamente.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top