Esportes

Sibilla Facholli celebra título na Seletiva e vaga na Seleção Brasileira de Judô

Reprodução Twitter CBJ

Entre os dias 12 e 13 de dezembro, a Confederação Brasileira de Judô (CBJ) realizou a ‘Seletiva Olímpica de Judô – Projeto Tóquio 2020’. O torneio reuniu 105 judocas que lutavam por vagas na Seleção Brasileira da modalidade. Os judocas qualificados vão representar o país no próximo ciclo olímpico de olho nos Jogos de Tóquio, em 2020.

Uma das classificadas foi Sibilla Facholli, na categoria Pesado no feminino (+ 78kg). Ela sagrou-se campeã da Seletiva e com isso, será uma das atletas da Seleção Brasileira em sua categoria, e que vai lutar pela vaga nas Olimpíadas do Japão.

“Foi uma conquista maravilhosa. É um orgulho muito grande que sinto em poder fazer parte disso tudo, de estar entre as principais judocas do país, representar a seleção, disputar torneios internacionais e lutar por uma vaga nos Jogos Olímpicos de 2020. É hora de celebrar, mas logo o trabalho volta com força total para 2019”, destacou a judoca ao TV é Brasil.

Sibilla terá que ralar se quiser a vaga. Isso porque, ao seu lado terá Maria Suelen Aktheman, Beatriz Souza e Camila Yamakawa. Principal nome é Maria Suelen. A experiente judoca de 30 anos tem no currículo duas medalhas de prata nos Campeonatos Mundiais de 2013 e 2014. Além disso, conta com duas medalhas de bronze nos Jogos Pan-Americanos de 2011 e 2015. Sibilla enalteceu também o trabalho realizado em seu clube, o Pinheiros.

“Estou em um grupo seleto de judocas. Estarei representando o país ao lado das melhores. Só tenho a agradecer a todos que colaboraram para eu chegar aqui neste dia. O trabalho duro que realizamos no Pinheiros foi fundamental. Só tenho a agradecer todos que me ajudaram. Agora para 2019 a palavra é trabalho duro”, adicionou.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top