Notícias

Engenheiro de 64 anos é preso por pedofilia no Rio de Janeiro

Polícia Federal encontra grande acervo de crianças e adolescentes na zona sul do Rio.

engenheiro do rio preso por pedofilia

Um grande acervo de pedofilia foi encontrado na residência de um engenheiro do Rio de Janeiro. O homem de 64 anos é aposentado e foi preso em uma operação da Polícia Federal nesta quinta-feira (03/10), na região do Botafogo.

A PF foi até a residência do idoso, que é localizada na Zona Sul do Rio, bem ao lado de uma escola. Os policiais cumpriam um mandado de busca e apreensão na casa, após alguns dias de investigação, onde o criminoso estaria compartilhando na internet fotos e filmagens com outros pedófilos.

Durante a vistoria na casa, a PF encontrou diversos arquivos com cenas sexuais envolvendo crianças e adolescentes. Além de gerar o conteúdo, o homem também transmitia e disponibilizava todos os arquivos através da internet.

Fronteiras com Colômbia, Bolívia e Paraguai podem ser fechadas em 2019.

Arsenal de gravação

O engenheiro preso em flagrante tinha em sua residência diversas câmeras fotográficas, filmadoras, tripés, HDs externos, binóculos, computadores, notebooks, celulares, pendrives e materiais infantis como roupas.

Tudo foi apreendido e estará sendo periciado nos próximos dias segundo a polícia.

Prisão decretada ao pedófilo

O nome do criminoso não foi divulgado pela PF, pois a investigação busca encontrar outros envolvidos. Quem armazena pornografia infantil pode sofrer uma pena de 1 a 4 anos de prisão.

Já quem faz as filmagens e fotos e realiza o compartilhamento como é o caso deste engenheiro, está sujeito a pena de 3 a 6 anos de prisão, com possíveis agravantes após a análise dos conteúdos pela perícia.

Não se sabe se o fato dele morar ao lado de uma escola, era algo premeditado para tornar mais “fácil” a busca por vítimas.

A foto da apreensão foi divulgada pela própria Polícia Federal.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top