Notícias

Eike, Thor e Olin são alvos de nova operação da Lava Jato

Operação no Rio de Janeiro prendeu Eike e está realizando buscas na casa dos filhos mais velhos do empresário.

eike batista preso operacao midas

Para executar mais uma fase da Operação Lava Jato no Brasil, a Polícia Federal está nas ruas do Rio de Janeiro a mando do juiz federal Marcelo Bretas, que levando em consideração um pedido do Ministério Público Federal (MPF), determinou novamente a prisão de Eike Batista.

O ex homem mais rico do Brasil que cumpria prisão domiciliar foi preso na manhã desta quinta-feira (08/08) e deverá voltar ao presídio de Bangu.

Além de Eike, há mandados de busca e apreensão de documentos nas casas onde moram seus dois filhos mais velhos, Olin e Thor Batista. A prisão ocorre após a delação premiada homologada do banqueiro Eduardo Plass.

Eike já é condenado

Eike Batista foi preso em janeiro de 2017 sob a acusação de corrupção ativa e lavagem de dinheiro. Após passar quatro meses na prisão, o ministro do STF Gilmar Mendes concedeu prisão domiciliar ao empresário, onde em sua casa no Jardim Botânico, Zona Sul do Rio de Janeiro já havia cumprido 2 anos e meio de sua condenação de 30 anos.

Eike Batista já foi o homem mais rico do Brasil entre os anos de 2010 e 2012, quando chegou a ser o 8º homem mais rico do mundo. Na ocasião sua fortuna variou entre US$ 27 bilhões e US$ 34,5 bilhões.

Ele foi preso logo após desembarcar no Aeroporto Internacional Tom Jobim (GIG), no Rio de Janeiro, quando voltava de uma viagem do exterior.

Nova fase da Operação Lava Jato

Esta operação foi batizada de Segredo de Midas, onde o foco principal é a busca de provas de manipulação no mercado de ações e lavagem de dinheiro por Eike Batista e outros envolvidos segundo a delação premiada do banqueiro Eduardo Plass.

O juiz Marcelo Bretas, que faz parte da 7ª Vara Federal do Rio de Janeiro, determinou dois mandados de prisão, um para Eike Furkhen Batista e outro contra o contador de Eike, Luiz Arthur Andrade Correia, conhecido como Zartha, mas que ainda não foi preso pois está no exterior.

Além das prisões, há quatro mandados de busca e apreensão, sendo dois deles nas casas de Thor e Olin Batista.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top