Notícias

Cruzeiro tempo pior início nos pontos corridos do BR; veja números

Raposa não vence há nove partidas na temporada, sendo seis pela Série A

A pausa para a Copa América pode servir de aliada para o Cruzeiro. Com a péssima fase recente – o time não vence há nove jogos na temporada, sendo seis pela Série A -, o técnico Mano Menezes vai ter tempo para recuperar o futebol do início do ano, que fez com que a equipe fosse bem vista por todos. Além disso, buscara a retomada no Campeonato Brasileiro, competição a qual o clube tem o pior início na era dos pontos corridos, que se iniciou em 2003.

Dentro da zona de rebaixamento – 18º com oito pontos (duas vitórias, dois empates e cinco derrotas) -, o Cruzeiro igualou em 2019 seu pior início nas nove primeiras rodadas que era de 2016, quando também somou oito pontos com o português Paulo Bento no comando da equipe. A diferença é que naquela ocasião a Raposa terminou o período na lanterna da competição.

Por outro lado, desde então, a melhor campanha nos nove primeiros compromissos foi em 2003, ano histórico para o clube por conta da conquista da Tríplice Coroa (Estadual, Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro). Há 16 anos, o time somou 24 pontos dos 27 possíveis e era o primeiro colocado.

VOLTA DA COPA AMÉRICA

Logo de cara, o primeiro compromisso do Cruzeiro pós-Copa América será diante do Atlético-MG, em duelo válido pela ida das quartas de final da Copa do Brasil. A partida terá mando da Raposa e vai acontecer no Mineirão, dia 10 de julho. A volta, no Independência, será no dia 17.

Anteriormente, por mata-mata de competições nacionais, as equipes se enfrentaram por três vezes, com o Galo levando a melhor em todas. O último confronto foi pela decisão da Copa do Brasil de 2014, com o Atlético-MG vencendo os dois jogos. As outras duas ocasiões foram: pelas quartas de final dos Campeonato Brasileiros de 1986 e 1999.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top