Futebol

Mano Menezes atinge marca como treinador

Ele é o segundo com mais semifinais de Copa do Brasil na história

Ao classificar o Cruzeiro para mais uma semifinal de Copa do Brasil – a quarta seguida do clube -, o técnico Mano Menezes alcançou uma marca que só é superada por um outro comandante. Agora, ele é o segundo treinador que mais ficou entre os quatro melhores na competição em toda a história, com sete presenças, atrás apenas de Luiz Felipe Scolari, que no total soma oito participações.

Atingir o feito não foi fácil. Na última quarta-feira, pela volta das quartas de final, o Atlético-MG martelou e jogou melhor, mas não foi o suficiente para eliminar a Raposa. Venceu por 2 a 0 no Independência, gols de Cazares e Patric, mas o resultado de 3 a 0 da partida de ida do time de Mano Menezes fez a diferença no final. Agora, o adversário da semifinal será o Internacional, que passou pelo Palmeiras. O Cruzeiro está a quatro passos do heptacameponato, o que seria o terceiro título consecutivo.

Antes de alcançar as últimas quatro semifinais de Copa do Brasil pelo Cruzeiro, Mano Menezes já havia chegado à fase com o XV de Campo Bom (2004) e Corinthians (2008 e 2009). Com a Raposa, em 2016, não conseguiu alcançar a decisão e foi eliminado pelo Grêmio. Assim como o XV de Campo Bom, que caiu para o Santo André na fase. Com o Corinthians foi finalista nas duas oportunidades, perdendo a primeira para o Sport e ganhando a segunda frente ao Internacional. Com o Cruzeiro, em 2017 e 2018, disputou a final e foi campeão, contra Flamengo e Corinthians, respectivamente.

Essa será a 11ª semifinal do Cruzeiro. Em oito delas o time passou a final, caindo apenas para Paulista (2005) e Grêmio (2006). Nas oito decisões, venceu seis e perdeu duas para Palmeiras (1998) e Atlético-MG (2014). Com três troféus da Copa do Brasil, Mano Menezes vai em busca de igualar Luiz Felipe Scolari, que soma quatro canecos, líder no quesito.

Técnicos com mais participações em semifinais de Copa do Brasil

Técnico Participações
Luiz Felipe Scolari 8
Mano Menezes 7
Levir Culpi, Renato Gaúcho e Vanderlei Luxemburgo 6
Marcelo Oliveira 5
Nelsinho Baptista 4
Abel Braga, Antônio Lopes, Cuca, Dorival Junior, Jair Pereira, 3
Emerson Leão, Enderson Moreira, Hélio dos Anjos, Jair Ventura, Marcio Araújo, Marco Aurélio, Otacílio Gonçalves, Péricles Chamusca, Ricardo Gomes, Sérgio Cosme, Silas, Tite e Vágner Mancini 2
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top