Blog

Os gols mais marcantes da Copa do Mundo Feminina

A Copa do Mundo Feminina de 2019 foi a oitava edição do evento. Ela foi sediada na França, sendo a primeira vez que ela ocorreu no país. Além disso, foi a primeira vez também que ela teve transmissão em rede nacional na TV aberta.

O evento ocorreu entre o7 de junho e 7 de julho deste ano. Foram 24 equipes competindo, computando 48 partidas disputadas e um total de 137 gols marcados. O time campeão do evento foi os Estados Unidos, que venceu da Holanda na final.

Aliás, falando em gols, apenas dois jogos ficaram no 0 a 0. No restante, o saldo de dois sempre ficou no positivo. Sendo assim, vale a pena conhecer os 5 gols mais bonitos da competição.

Os 5 gols mais bonitos da Copa do Mundo Feminina

Saiba adiante quais são os 5 gols mais bonitos que rolaram na Copa do Mundo Feminina de Futebol 2019!

5º lugar:Morgan – EUA x Tailândia

A quinta posição nesse ranking fica com Alex Morgan, uma das queridinhas da competição. Em uma partida na qual aconteceram 5 gols, Morgan marcou um dos mais belos da partida. Ela recebeu o passe, ajeitou no peito e “matou” o lance com um belo chute no canto esquerdo do gol.

4º lugar: Okeke – Nigéria x Coréia do Sul

Tudo começou com um belíssimo drible da jogadora Chidinma Okeke, da Nigéria. Ela continuou e mandou a bola para Asisat Oshoala, sua companheira de equipe. A talentosa atacante correu, ganhou na velocidade e, mesmo sem ângulo, mandou a bola para dentro do gol.

3º lugar: Bronze – Inglaterra x Noruega

Em um lindíssimo chute de fora de área, a jogadora Bronze, da seleção da Inglaterra, fez um gol espetacular em cima do time da Noruega. Até mesmo o jogador David Beckham, que estava na torcida, ficou impressionado com essa verdadeira obra de arte.

2º lugar: Bonsegundo – Argentina x Escócia

A jogadora da seleção argentina Florencia Bonsegundo marcou um tremendo golaço em cima da equipe escoca. Em um lance fora da área, com toda a sutileza, ela mandou a bola rumo ao gol. A goleira bem que tentou, mas não deu.

1º lugar: Nchout – Camarões x Nova Zelândia

Tudo se iniciou no meio de campo, com dois belos passes até chegar a Ajara Nchout, da seleção de Camarões, aos 49 minutos do segundo tempo. Tanto a equipe de Camarões, quanto a equipe da Nova Zelândia estavam prestes a serem desclassificadas.

Contudo, no último lance da partida, Nchout arrematou e chutou direto para o gol. Com isso, ela conseguiu que a equipe de Camarões se classificasse para as oitavas de final.

Os gols da seleção feminina brasileira e o seu futuro

Impossível falar de gols e não falar da belíssima cobrança de pênalti feita por Marta. Aliás, o seu 17º em Copas do Mundo, um verdadeiro recorde. Contudo, apesar de uma boa atuação em geral na competição, há uma preocupação com relação ao futuro da seleção feminina.

Sem sombra de dúvida a vontade e o talento das jogadoras é determinante. Contudo, a longo prazo, será necessário mais do que isso. Marta solicitou às gerações novas mais profissionalismo. As outras atletas ressaltaram a importância de se ter um cuidado e atenção maiores com a base e igualmente com o desenvolvimento de clubes.

A aposentadoria de Rosana e Francielle

Duas grandes jogadoras do futebol feminino nacional já se aposentaram. A interessante neste fato, é que muitos sequer ficaram sabendo do acontecido, o que reforça ainda mais, que o futebol feminino ainda é pouco importante para os dirigentes do futebol, e também torcedores.

Em entrevista exclusiva à Betway, as atletas destacaram seu desapontamento com a situação atual da modalidade no Brasil. Rosana e Francielle foram medalhistas olímpicas em 2007. Rosana tem 36 anos. Aposentou-se no final da temporada passada, quando vivia a fase mais artilheira da carreira, jogando pelo Santos. Francielle é mais jovem, 29 anos. Pensava em chegar até os 30 jogando futebol, mas parou antes.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top